Saiba como acelerar o cio da vaca após o parto

A publicação 500 perguntas 500 respostas da Embrapa Gado de Leite traz em suas páginas informações sobre como acelerar o cio da vaca depois do parto.

Confira:

O tempo que a vaca demora a voltar do cio depois do parto é muito influenciado pelo escore da condição corporal ao parto e do quanto ela emagrece no início da lactação.

Para ser ter uma boa condição corporal ao parto, as vacas devem ser adequadamente manejadas no final da lactação e no período seco. As vacas devem ser “secadas” pelo menos dois meses antes do parto previsto e parir em boa condição corporal.

No início da lactação, as vacas apresentam uma menor ingestão de alimentos de gordura e uma alta produção de leite, pois mobilizam as reservas corporais de gordura para atender a produção de leite, o que é chamado de balanço energético negativo. Ou seja, a vaca gasta mais energia do que ingere.

Quanto mais a vaca emagrecer, mais tempo ela demorará a voltar ao cio. Assim, uma boa alimentação no início da lactação reduz a mobilização das reservas corporais, com menor perda de condição corporal e retorno mais rápido ao cio.

vacas gir

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Camapuã (MS) recebe curso de operação e manutenção de ordenhadeira mecânica

Acontece nos dias 17 e 18 de março, na sede do Centro de Treinamentos de Campuã (MS), o curso de operação e manutenção de ordenhadeira mecânica. A qualificação é oferecida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar/MS) em parceria com o sindicato rural do município.

Na qualificação serão abordados temas como:

– rotina ideal de ordenha;

– sistema de produção de vácuo;

– sistema de lubrificação;

– sistema de transporte de leite e limpeza;

– manutenção do sistema de ordenha;

E vários outros tópicos necessários para que a operação e manutenção de ordenhadeira mecânica sejam realizadas com segurança e com sucesso. O curso tem carga horária de 16 horas e é gratuito.

As inscrições podem ser feitas pelo site: http://www.senarms.org.br.

ordenhadeira

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Fardo FIV F. Mutum se torna o touro Gir mais valorizado

A 3ª edição do Mutum Weekend, leilão realizado na Fazenda Mutum em Alexânia (GO) teve como grande destaque a venda de 50% da posse do touro Fardo FIV F. Mutum por 30 parcelas de R$ 35 mil, totalizando assim R$ 1,05 milhão. A Fazenda Agrogir Genética e Manejo, de Orizona (GO) foi a compradora do animal.

Com a venda, o animal Fardo FIV F. Mutum se torna o touro mais valorizado da história do Gir Leiteiro. Fardo inicou a sua carreira na CRV Lagoa no dia 7 de julho de 2008, no entanto, a demanda por sua genética cresceu muito após o resultado do teste de progênie, em maio de 2015, onde foi a divulgada a sua liderança absoluta no 23º Grupo de Touros Provados PNMGL Embrapa/ABCGIL, com PTA de 592,9 kg para leite e 94% de confiabilidade.

Fardo FIV F. Mutum é filho de Radar dos Poções X Dengosa Mutum, animais que também fizeram história na raça Gir Leiteiro.

Fardo FIV F. Mutum

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Saiba como evitar resíduos de antibióticos no leite

A Embrapa Gado de Leite, com o intuito de orientar os produtores leiteiros sobre os as boas práticas na produção, preparou um material que responde as principais dúvidas sobre como evitar a presença de resíduos de antibióticos no leite. Confira:

Resíduos de antibióticos no leite devem ser evitados porque provocam problemas de saúde em indivíduos sensíveis e prejuízos na industrialização do leite. Sempre que se administra algum tipo de produto químico às vacas em lactação, é necessário saber se o produto é eliminado no leite e por quanto tempo.

Os principais cuidados para evitar resíduos de antibióticos no leite, são:

  • Seguir rigorosamente as indicações da bula do medicamento.
  • Não misturar o leite de um animal tratado com o leite do rebanho.
  • Não comercializar o leite durante o período de eliminação do antibiótico (período de carência) e só usar produtos que apresentem essa informação.
  • Não aumentar a dosagem recomendada na bula, porque isso altera o prazo de carência recomendado.
  • Evitar o uso de mais de um antibiótico no mesmo tratamento, pois isso pode aumentar o período de eliminação de resíduos no leite.
  • Não usar preparações de antibióticos recomendados para o período seco, em vacas de lactação.
  • Identificar as vacas que estão em tratamento e/ou em período de carência, utilizando corda no pescoço, na pata, marcação com bastão colorido no lombo, etc.
  • Registrar em caderno, planilhas, etc., os casos de mastite clínica, para manter o histórico e auxiliar na escolha do tratamento.

leite teta

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Saiba quais as consequências do acasalamento entre parentes

A Embrapa Gado de Leite alerta aos criadores de gado leiteiro sobre as consequências para o rebanho quando há acasalamento entre parentes. Confira:

De modo geral, as consequências são negativas em decorrência do aumento da consanguinidade ou endograma dos animais. A endogamia pode, em um primeiro momento, diminuir o desempenho reprodutivo e, posteriormente, com seu aumento, a produção de leite.

Essa prática pode, ainda, interferir na ocorrência de enfermidades e defeitos hereditários (lábio leporino, por exemplo) e, por isso, deve ser evitada.

Mas o acasalamento entre parentes não deve ser visto apenas pelo lado negativo. A endogamia foi adotada por muitos anos para uniformização das raças bovinas e formação das linhagens hoje existentes. Mas pelos problemas decorrentes de sua utilização em médio e longo prazo, pelo longo intervalo de gerações e dificuldade de prever suas consequências, os técnicos passaram a não recomendar essa prática nos rebanhos bovinos.

vacas gir

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Saiba quantos litros de leite devem ser fornecidos aos bezerros

Sempre com o intuito de auxiliar os produtores de leite, a Embrapa Gado de Leite respondeu duas dúvidas frequentes dos criadores no que se diz respeito ao futuro dos seus rebanhos, os bezerros. As respostas são sobre a quantidade de leite que um bezerro deve receber e também sobre qual é a temperatura deste leite que será fornecido. Confira!

A quantidade de leite a ser fornecida ao bezerro depende do ganho de peso desejado. Em sistemas convencionais, nos quais a produção de leite é a atividade principal, podem-se criar bezerros com 4 litros de leite por dia, até os 56 dias de vida, o que totaliza 224 litros de leite por bezerro.

Nesse caso, o fornecimento de concentrado de boa qualidade, peletizado de preferência, a partir de 10 a 14 dias de idade, é essencial para o desenvolvimento do bezerro, que deve ter um ganho médio diário de 500g por dia, obtendo peso vivo de 60 kg a 70 kg, aos 56 dias.

Alguns técnicos preconizam o fornecimento de 6 litros, ou mais, de leite por dia aos bezerros, com o argumento de que assim eles têm melhor desenvolvimento. Isso é verdade. Porém, na tecnologia do desmame precoce, é fundamental fornecer apenas 4 litros de leite por dia, pois isso força o bezerro a ingerir o concentrado, possibilitando assim o desenvolvimento do rúmen e o desmame precoce.

Sobre a temperatura ideal do leite a ser fornecido aos bezerros, recomendasse 37º C. No entanto, o mais importante, porém, é fornecê-lo sempre no mesmo horário e na mesma temperatura. Como há possibilidade de armazenar o leite sob resfriamento, recomenda-se fornecer o leite da ordenha da tarde do dia anterior para os bezerros.

bezerro mamando

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Fazenda Lumiar realiza leilão virtual nesta segunda-feira

Acontece logo mais às 21h (horário de Brasília) desta segunda-feira (30), a 6ª edição do Leilão Virtual Elite Fazenda Lumiar Gir Leiteiro e Girolando. O remate irá ofertar 40 lotes de animais das raças Gir Leiteiro e Girolando e contará com transmissão ao vivo do Canal Rural e é realizado pela Programa Leilões.

Confira alguns dos lotes que serão ofertados no leilão desta segunda-feira:

Lote 02 – Prenhez
Tabu TE Cal X Cacimba FZD Lumi
Parto previsto para junho de 2016

Lote 05A – Elisa FZD Lumi
Filha de Jaguar TE do Gavião X Cartagena FZD Lumi

Lote 19 – Geneve de Brasília
Filha de Impressor de Brasília X Esfera TE de Brasília

Lote 24 – Cabocla FZD Lumi
Filha de Meteoro de Brasília X Alma Viva FZD Lumi

Lote 31 – Cigana FZD Lumi
Filha de Radar dos Poções X Anaflora M. Verde

Para conferir o catálogo completo do VI Leilão Virtual Elite Fazenda Lumiar Gir Leiteiro & Girolando basta acessar o link abaixo:

http://programaleiloes.com.br/common/uploads/anexos/2127133658L_1.pdf

lumiar

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized